website page view counter

Folha Regional Online

Domingo, 2 de Junho de 2024

Política

‘A cobra está fumando no Congresso’: líder da Oposição, Filipe Barros avalia derrota de Lula em vetos

“Lula já pode pedir música no Fantástico. Em questão de poucas horas, nós, da Oposição, conseguimos impor derrotas acachapantes ao governo”,

Ely Damasceno
Por Ely Damasceno
‘A cobra está fumando no Congresso’: líder da Oposição, Filipe Barros avalia derrota de Lula em vetos
ALAN SANTOS/GAB. FILIPE BARROS
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
“Um dia histórico”. Dessa forma o líder da Oposição na Câmara dos Deputados, Filipe Barros (PL-PR), classificou os fatos transcorridos na sessão do Congresso desta terça-feira (28). A data foi marcada por uma série de vitórias consecutivas dos congressistas oposicionistas em votações que barraram interesses do governo Lula (PT). “Lula já pode pedir música no Fantástico. Em questão de poucas horas, nós, da Oposição, conseguimos impor derrotas acachapantes ao governo”, comentou o deputado federal.
 
   A articulação que Barros encabeçou ao lado das lideranças e demais parlamentares oposicionistas do Congresso resultou na derrubada do veto presidencial que voltaria a flexibilizar o recém-aprovado endurecimento aprovado pelo Legislativo na questão da “saidinha” de detentos.
Publicidade

Leia Também:

    Além disso, a maioria dos deputados e senadores manteve um veto dado ainda em 2021 pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) que, caso tivesse sido revertido, poderia, nas palavras do líder da Oposição, “resultar na imposição da censura”. “O governo queria criminalizar opiniões divergentes. O Bolsonaro havia vetado esse dispositivo e o Lula queria derrubar o veto”, completou ele.
 
 
“Outra derrota para o governo foi [a manutenção de] uma emenda feita pelo deputado [federal] Eduardo Bolsonaro [PL-SP] que proíbe a utilização de dinheiro público na promoção do aborto, da ideologia e para o MST”, acrescentou Filipe Barros.  
  Ainda ao fim da noite de terça, o alinhamento construído entre congressistas seguiu dando resultados, ocasionando na aprovação da suspensão de trechos do decreto do governo Lula sobre a regulamentação da posse e colecionismo de armas e a instalação de clubes de tiro.
 
“A cobra está fumando no Congresso”, comentou o líder da Oposição – que, na próxima semana, completará dois meses na função. “Quando tantos ataques tirânicos e ditatoriais querem relegar ao Parlamento brasileiro um papel de coadjuvante, a Oposição, de forma organizada, destemida e com apoio do Povo brasileiro, mostrou nesta histórica terça-feira que é possível derrotar aqueles que querem derrotar o Brasil”.
FONTE/CRÉDITOS: ALAN SANTOS/GAB. FILIPE BARROS
Comentários:
Ely Damasceno

Publicado por:

Ely Damasceno

Bacharel em Teologia Theological University of Massachussets USA 1984/1990. Jornalismo pela Faculdade de Tecnologia de São Paulo. Repórter Gaz.Esportiva, Diários Associados, Estadão/SP, Jornais Dayle Post, em Boston-USA e Int.Press Hyogo-Japão

Saiba Mais
laboratório
laboratório

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!