website page view counter

Folha Regional Online

Domingo, 2 de Junho de 2024

Regional

Jovem fica em estado grave após ser atacada com ácido enquanto voltava de academia, no Paraná

Vítima tem de 23 anos. De acordo com a PM, a vítima teve queimaduras no rosto, no peito e na boca. Ainda de acordo com a polícia, ela ingeriu parte da substância

Ely Damasceno
Por Ely Damasceno
Jovem fica em estado grave após ser atacada com ácido enquanto voltava de academia, no Paraná
Isabelly Aparecida Ferreira Moro, de 23 anos/Divulgação
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

     Isabelly Aparecida Ferreira Moro, de 23 anos, ficou em estado grave após ser atingida por ácido em uma rua de Jacarezinho, no Norte Pioneiro do Paraná. De acordo com a Polícia Militar (PM-PR), uma pessoa ainda não identificada jogou o líquido na vítima enquanto ela caminhava. O caso aconteceu na tarde de quarta-feira (22), quando a jovem voltava da academia. Em um vídeo gravado por uma câmera de monitoramento, a vítima aparece correndo em busca de ajuda após ser atingida. 

   De acordo com a PM, a vítima teve queimaduras no rosto, no peito e na boca. Ainda de acordo com a polícia, ela ingeriu parte da substância, o que agravou o quadro de saúde.   O delegado Tristão Borborema, responsável pelo caso, disse que um inquérito foi aberto para investigar o ataque. A polícia teve acesso a imagens de câmera de segurança que vão ajudar nas investigações. O delegado afirmou que o suspeito usava uma peruca quando jogou o ácido na vítima. "Câmeras de vigilância estão sendo checadas. O agressor usava uma peruca. Por ora, não há suspeitos", disse.

Publicidade

Leia Também:

Mulher pediu ajuda para populares: Barbeiro Décio Silva prestou socorro

    A polícia disse que após ser atingida, a mulher pediu ajuda para populares que estavam passando na rua. O barbeiro Décio Silva foi quem colocou a jovem no carro dele e a levou para o hospital. "Eu peguei a menina, coloquei no carro e levei ela no hospital. Ela não conseguia falar nada. Não conheço ela, mas espero que ela se recupere. Se deus quiser ela vai sair dessa", disse.  Ela foi levada para um hospital da cidade e, na noite de quarta-feira (22), encaminhada para o Hospital Universitário de Londrina (HU). Após o ataque, uma testemunha encontrou uma sacola preta e um copo que estavam molhados. O material foi recolhido para análise.

Sacola e o local com a marca do produto jogado na jovem.

 

FONTE/CRÉDITOS: g1PR
Comentários:
Ely Damasceno

Publicado por:

Ely Damasceno

Bacharel em Teologia Theological University of Massachussets USA 1984/1990. Jornalismo pela Faculdade de Tecnologia de São Paulo. Repórter Gaz.Esportiva, Diários Associados, Estadão/SP, Jornais Dayle Post, em Boston-USA e Int.Press Hyogo-Japão

Saiba Mais
laboratório
laboratório

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!