Folha Regional On line

Notícias LONDRINA

Município abre licitações para mais seis obras com investimento de até R$ 4 milhões

Os trabalhos compõem o pacote de 76 obras públicas anunciado pelo prefeito Marcelo Belinati no aniversário de Londrina

Município abre licitações para mais seis obras com investimento de até R$ 4 milhões
N.Com.blog.londrina/Vivian Honorato
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando
A Prefeitura de Londrina lançou editais de licitação para realizar mais seis obras públicas na cidade. Há seleções abertas para contratar os serviços de revitalização da Praça Dom Pedro I, recuperação dos sistemas de drenagem nas ruas Marselha e Silvio Esteves, execução de ciclovia na Avenida Guilherme de Almeida, reforma das arquibancadas do Estádio do Café, além de projetos para a adequação e prolongamento da Avenida Vinicius de Moraes, criando nova conexão com a Estrada Armarinho Paulista.

Somados, os processos licitatórios preveem investimento de R$ 4 milhões, aproximadamente. As iniciativas vêm para fortalecer, ainda mais, o programa municipal de reestruturação viária, construção e revitalização de espaços públicos de Londrina.

Estes seis novos trabalhos integram o pacote de 76 obras anunciadas pelo prefeito Marcelo Belinati, no último dia dez de dezembro, aniversário de Londrina, quando o município completou 87 anos. Ao todo, o montante estimado para executar estes serviços gira em torno de R$ 200 milhões, entre obras já iniciadas, em fase de licitação ou de elaboração de orçamento, além de outros cujos projetos arquitetônicos e complementares estão em curso.

Foto: Vivian Honorato / N.Com

Segundo o secretário municipal de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, Marcelo Canhada, as seis obras com licitação abertas levarão melhorias a diferentes regiões da cidade, dando sequência, em 2022, ao planejamento integrado que a gestão atual vem mantendo para atender as demandas da população. “São investimentos importantes, dentro de um amplo pacote de obras públicas que o prefeito Marcelo já começou a realizar. Um dos destaques das novas licitações é a revitalização da Praça Dom Pedro I, uma área que será recuperada para oferecer mais conforto, segurança e qualidade de vida aos moradores daquela região e visitantes. É dever do poder público trabalhar com transparência e seriedade para que os munícipes tenham o devido retorno dos impostos que pagam”, afirmou.

Foto: Vivian Honorato / N.Com

O secretário municipal de Gestão Pública, Fábio Cavazotti, explicou que as licitações de obras vêm adquirindo cada vez maior ritmo, a fim de atender ao aumento dos investimentos realizados no Município. Para ele, o anúncio das obras, em 2021, colabora com a transparência dos atos públicos e permite às empresas se programar para participar das licitações.

“Temos muitas oportunidades para empresas locais, de diversos portes. Convoco as empresas locais de engenharia a avaliarem sua participação nos certames. Em caso de dúvidas, podem acionar o Programa Compra Londrina, que está preparado para auxiliar na capacitação e esclarecimento de dúvidas. Assim, além de investir na qualidade de vida da cidade, podemos gerar mais renda e empregos em Londrina quando empresas locais vencem as licitações”, disse. Os interessados em saber mais sobre o Compra Londrina podem entrar em contato pelos números (43) 3372-4605 e (43) 3372-4606.

Reprodução do projeto

Revitalização da Praça Dom Pedro I – Por meio da Tomada de Preços nº 01/2022, está valendo o certame para recebimento de propostas das empreiteiras interessadas em executar as obras de revitalização da Praça Dom Pedro I, que fica na região oeste, em frente à Avenida Tiradentes, próximo ao Mercadão Shangri-lá e Avenida Maringá. O valor máximo da licitação é de R$ 835.651,16.

Este espaço público, que carece de melhorias há muitos anos, sendo alvo de reclamações e solicitações da população, será totalmente reformulado para atrair de volta os frequentadores, tornando-se um local mais agradável, seguro, bonito e confortável. O projeto prevê a construção de novos passeios acessíveis e internos, mobiliário urbano e paisagismo.

Os serviços incluem novas calçadas, piso concretado, mesas, piso tátil, rampas de acesso, bancos em concreto, luminárias com sistema LED, academia ao ar livre, muretas, escadas e bicicletários. Também será feita pintura e sinalização, e implantadas áreas de jardins com árvores, arbustos e flores, plantio de grama.

A abertura dos envelopes será no dia 26 de janeiro, na Sala de Licitações da Prefeitura, onde também irão ocorrer os recebimentos referentes às outras licitações.

Foto: arquivo da Secretaria Municipal de Obras

Ampliação de drenagem na rua Marselha

Com valor máximo de licitação orçado em R$ 915.095, 15, a Prefeitura contratará, via Tomada de Preços nº 02/2022, os serviços para as obras de reforço do sistema de galerias pluviais da Rua Marselha, localizada no Jardim Piza, região sul. Pela mesma licitação, também será feita a reconstrução de um muro de ala em bueiro celular do Lago Igapó 2.

Na Rua Marselha, os serviços concentram-se na ampliação e aprimoramento do sistema de drenagem, visando melhorar a capacidade de captação de águas pluviais, uma vez que essa via sofre cronicamente com problemas de alagamentos e enxurradas. Ainda haverá correções no pavimento asfáltico, meios-fios e outros complementos nos trechos a serem trabalhados com as máquinas.

Já na área do Lago Igapó 2 será feito um trabalho para reconstruir um muro de proteção de tubulações que fica na área da Avenida Maringá, entre as duas rotatórias até a Avenida Ayrton Senna, no limite das ruas Bento Munhoz da Rocha Neto e Joaquim de Matos Barreto. A data de abertura dos envelopes é dia 31 de janeiro.

Foto: Avenida Guilherme de Almeida, na região sul, já recebeu duplicação e outras melhorias, e ganhará ciclovia

Ciclovia no canteiro da Avenida Guilherme de Almeida

Pela Concorrência nº 02/2022, a Prefeitura recebe propostas para a construção de uma ciclovia no canteiro da Avenida Guilherme de Almeida, totalizando R$ 530.757,32 para licitação.

Em 2020, esta via, na região sul, teve um trecho duplicado pela atual administração, compreendendo 600 metros entre o Parque Residencial Campos Elíseos e o Conjunto União da Vitória. O pacote contou com serviços de galerias pluviais, instalação de meio fio, pavimentação asfáltica, calçada, novo gramado, sinalização viária vertical e horizontal, e também a colocação de luminárias no padrão LED.

Agora, a Guilherme de Almeida contará com ciclovia nova em seu canteiro central, em trecho com extensão de cerca de 1,3 km. A instalação será feita a partir da Rua Ida Tamarozzi até a área da rotatória de acesso ao Jardim União da Vitória. A obra contempla toda a movimentação de terra necessária, pavimentação e adequações nos pisos e acessos, sinalização viária e mobiliário urbano. Para este certame, os envelopes com as propostas serão abertos no dia 22 de fevereiro.

Reforço de drenagem na Rua Silvio Esteves

Outra obra com processo licitatório aberto será realizada na Rua Silvio Esteves (Rua São José), nas proximidades do Residencial Vista Bela, na região norte. Essa via, próxima a uma área de fundo de vale, receberá adequações em seu sistema de galerias pluviais, hoje deficitário por conta de deformações e erosões no piso, causados pelo impacto das chuvas ao longo dos anos. Paralelamente, haverá correções em pavimento, calçadas e meio-fio.

Os serviços serão contratados por meio da Concorrência nº 01/2022, com valor estipulado em R$ 774.085,79. A abertura das propostas será no dia 21 de fevereiro.

Estádio do Café ganhará adequações de acessibilidade em arquibancadas, escadas e sanitários

Reforma da arquibancada do Estádio do Café

Uma demanda importante para uma das principais praças esportivas de Londrina será atendida com a reforma da arquibancada do Estádio do Café, que ganhará diversas adequações de acessibilidade. A intenção é deixar o espaço, localizado na Avenida Henrique Mansano, mais seguro e aconchegante aos torcedores e público frequentador.

A licitação está aberta pela Tomada de Preços nº 04/2022, com abertura dos envelopes em 7 de fevereiro. O valor máximo estipulado é de R$  566.390,24.

O projeto contempla sinalização do piso, corrimão e identificação dos ambientes, bem como sinalização nas escadas, com guarda-corpos e degraus. Haverá também, em uma segunda etapa, a adequação da acessibilidade nos acentos da arquibancada e a reforma dos sanitários. Somadas, as áreas a serem reformadas totalizam 352,98 m2.

Projetos para prolongamento da Avenida Vinicius de Moraes

Com valor máximo de R$ 382.300,00, a Tomada de Preços nº 003/2022 está aberta para a contratação de projetos a serem elaborados para viabilizar futura obra de adequação e prolongamento da Avenida Vinicius de Moraes, ao lado da Universidade Estadual de Londrina (UEL) e próxima à Rodovia Celso Garcia Cid.

Por meio da obra, será criada uma interligação entre a Avenida Vinicius de Moraes e a Estrada Armarinho Paulista, vias que hoje não estão conectadas, com trajeto entre a Rua Olympio Theodoro e a Avenida Juvenal Pietraroia.

Com a nova rota, o objetivo é melhorar a mobilidade urbana em uma área de alto fluxo de veículos, na região da UEL, permitindo tráfego mais fácil e rápido da zona oeste para a zona sul da cidade, por exemplo.

FONTE/CRÉDITOS: https://blog.londrina.pr.gov.br/Renan Oliveira
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )