website page view counter

Folha Regional Online

Domingo, 2 de Junho de 2024

Local

Professor e artista plástico de Ibiporã será homenageado com Comenda "PAX ET LABOR"

O Projeto é de autoria do vereador Diego Barbosa da Fonseca (PSD), pelos relevantes serviços prestados ao Município

Ely Damasceno
Por Ely Damasceno
Professor e artista plástico de Ibiporã será homenageado com Comenda
Arquivo/Folha
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

    A Câmara Municipal de Ibiporã (PR) aprovou por unanimidade o Projeto de Lei nº. 023/2023-LE, de autoria do vereador Diego Barbosa da Fonseca (PSD), que concede a Comenda PAX ET LABOR ao Senhor Celio Semprebon, pelos relevantes serviços prestados ao Município. O projeto foi sancionado pelo prefeito José Maria Ferreira (PSD) e se transformou na Lei nº. 3.291, publicada no Jornal Oficial do Município de Ibiporã, Edição nº. 1.982, na sexta-feira (dia 1/12), à Página 1.
     A maior honraria do Município foi criada pela Lei nº. 1363, de 5 de outubro de 1995, para ser conferida a pessoas ou entidades nacionais e estrangeiras que, no campo das atividades científicas, educacionais, culturais, esportivas, administrativas, religiosas e políticas, hajam se distinguido de forma notável ou relevante, e tenham contribuído, direta ou indiretamente, para o desenvolvimento e bem-estar da coletividade ibiporaense.

Currículo do artista
Nome Completo: CELIO SEMPREBON
Data de Nascimento: 04/01/1954
Naturalidade: Ibiporã – PR
Nacionalidade: Brasileiro
Filiação: Batista Semprebom e Emília Damineli Semprebom
Estado Civil: Casado, Viúvo
Profissão: Artista Plástico, Artesão, Técnico em Cinema, Teatro e  Professor de Artes, Professor, Pedagogo, Supervisor Escolar, Orientados Escolar, Administrador Escolar. Técnico Desenhista Projetista.
Função: Professor e Diretor
Local: Casa de Artes e Ofícios Paulo VI
Endereço: Rua Primeiro de Maio, 224 – Ibiporã – Pr
    Foi professor no Colégio Olavo Bilac onde também veio a ser eleito Diretor e na sua gestão o Colégio foi apontado como um dos melhores do Estado, Professor Colégio Antônio Iglesias, Colégio Unidade Polo, Colégio Teotônio Vilela, Universidade Estadual de Londrina, na Faculdade Fundação Miguel Mofarrege em Ourinhos.
    Foi o primeiro aluno da Casa e Artes e Ofícios Paulo VI onde também foi professor e Diretor, fez diversos Salões de Artes Plásticas Salões de grande relevância a nível Regional, Estadual e Nacional, também diversas exposições coletivas de alunos da Casa, fez também diversas exposições individuais de seus quadros e esculturas, fez ainda três Salões para artes de pessoas com PCD. Participou de diversas peças de Teatro como técnico em cenografia e iluminação.
    Fez diversas exposições de Artes Plásticas, apresentações de Teatro e Danças de alunos de primeiro e segundo Graus em toda a região, ainda elaborou a primeira festa Junina do Colégio Olavo Bilac culminando com a Elaboração da Primeira Festa Junina de Rua para a Prefeitura que está sendo realizada até os dias de hoje nos mesmos moldes da qual foi projetada e que por 13 anos ficou sobre a responsabilidade dele a frente da organização. Idealizador das primeiras danças Folclóricas e danças de Quadrilha Junina na cidade de Ibiporã. Fez mais de 7.000 peças de cerâmicas, grande parte foi exportada para a Europa e diversos locais do Brasil.
    Foi convidado pelo Prefeito da época Francisco Deliberador, para coordenar o projeto Gralha Azul, que culminou na proposta da construção do Cine Teatro Padre José Zanelli. Participou de vários salões de Artes Plásticas ganhando prêmios em todos eles, Regionais, Estaduais, Nacionais e Internacional, na Itália.
    Foi o criador do GRUPO DE TEATRO cuja peça A Revolta dos Brinquedos que foi apresentada em diversas cidades, teve destaque especial no festival Paranaense de Foz do Iguaçu. Coordenador de diversos Grupos de Dança e Teatro que foram apresentadas  por diversas cidades do Paraná e do Brasil.
    Na igreja Matriz de Ibiporã fez todos os capitéis, participou da pintura e recentemente da confecção das Cadeiras do Altar, além de participar da confecção do Cristo, participou ainda de diversas esculturas em Londrina, Maringá, e Colorado,  participou das pinturas dos afrescos das igrejas de Colorado, Apucarana e Astorga.
    Além de artista Plástico e Professor o mesmo é Projetista Arquitetônico, projetando inúmeras casas para Ibiporã, Londrina, Apucarana, Maringá, Jataizinho, Porecatu, Jaguapitã e outras cidades. Teve um Ateliê em Londrina que funcionou por quase uma década e meia: dava aulas de Pintura e Desenho para crianças e adultos e desenho preparatório para vestibular de Arquitetura.
    Foi convidado pelo Governo do Estado a fazer curso na UNB, Universidade de Brasília,  para implantar a Educação a Distância no Estado do Paraná, onde através da Unopar, que comungou com a ideia por ele exposta, foi a primeira Universidade a Implanta a EAD no Paraná.
    Foi Coordenador do Curso a distância do Núcleo Regional de Educação e coordenador da videoteca, onde atendia 19 munícipios da região e coordenava o Curso Um Salto para o Futuro. Idealizou junto ao Governo do Estado a ideia de Televisões Alaranjadas nas Escolas, ideia está que foi determinante para a diminuição de furtos dos aparelhos das escolas.
Membro do Conselho da Casa de Artes e Ofício Paulo VI.

FONTE/CRÉDITOS: Assessoria/CMI/Devaldo Gilini Junior
Comentários:
Ely Damasceno

Publicado por:

Ely Damasceno

Bacharel em Teologia Theological University of Massachussets USA 1984/1990. Jornalismo pela Faculdade de Tecnologia de São Paulo. Repórter Gaz.Esportiva, Diários Associados, Estadão/SP, Jornais Dayle Post, em Boston-USA e Int.Press Hyogo-Japão

Saiba Mais
laboratório
laboratório

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!