website page view counter

Folha Regional Online

Quinta-feira, 29 de Fevereiro de 2024
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia

Local

Morre filho portador de necessidades especiais do senador Flávio Arns, em Curitiba

Rapaz tinha esclerose tuberosa e enfrentava uma pneumonia há 48 dias no hospital

Ely Damasceno
Por Ely Damasceno
Morre filho portador de necessidades especiais do senador Flávio Arns, em Curitiba
Divulgação
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

    Conforme equipe do senador, Osvaldo Arns Neto, de 48 anos, nasceu com doença que impactou desenvolvimento intelectual e motor. Ele ficou internado por mais de um mês. Flávio Arns, à esquerda, junto ao filho Osvaldo Arns Neto Arquivo da família

    Morreu em Curitiba Osvaldo Arns Neto, filho do senador Flávio Arns (Podemos). Ele tinha 48 anos e era o primogênito da família. Conforme a equipe do senador, Osvaldo nasceu com esclerose tuberosa, doença degenerativa que impactou o desenvolvimento intelectual e motor.  A causa da morte de Osvaldo não foi divulgada, mas a equipe de Arns afirmou que ele estava internado havia 48 dias, enfrentando uma pneumonia.                "Osvaldo sempre lutou pela vida e foi assim nos últimos tempos. A família está unida neste momento de dor e agradece as orações e todo apoio recebido", disse a equipe de Arns, em nota.

   O velório de Osvaldo foi realizado na capela 2 do Cemitério Parque Iguaçu ontem, domingo (20), e o sepultamento ocorre nesta segunda-feira (21) as 14h, no mesmo cemitério. Durante a vida, Osvaldo, foi aluno de escola especial (APAE) e concluiu o ensino fundamental. Profissionalmente, trabalhou em uma empresa que promove a inclusão de pessoas com deficiência.

Publicidade

Leia Também:

   A doença

    A esclerose tuberosa causa de tumores benignos, que pode afetar diversos órgãos, especialmente cérebro, coração, olhos, rins, pele e pulmões. Segundo a equipe de Flávio Arns, durante os anos, Osvaldo precisou passar por diversas cirurgias e tratamentos, superando a expectativa de vida dada pelos médicos. A doença dele, conforme a equipe, foi o que fez Flávio Arns se dedicar à pauta da educação especial na política onde ficou conhecido nas APAES como Flávio (pede votos) Arns.

FONTE/CRÉDITOS: g1/PR
Comentários:
laboratório
laboratório

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!