website page view counter

Folha Regional Online

Quarta-feira, 29 de Maio de 2024
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia

Local

Após início de obra de esgoto, ruas do Balneário Tibagí ficam praticamente intrasitáveis.

Moradores reclamam que o que era ruim, ficou pior. Até acesso de entrada ao hotel fazenda ficou comprometido

Ely Damasceno
Por Ely Damasceno
Após início de obra de esgoto, ruas do Balneário Tibagí ficam praticamente intrasitáveis.
Fotos/Redes Sociais/moradores locais
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

     Obras iniciadas pela empreiteira que venceu a licitação junto à administração municipal para instalar a rede de esgoto no Condomínio de Chácaras Balneário Tibagí  viraram motivo de transtorno para os moradores da região. Conforme relato de vários moradores, e dezenas de comentários pelas redes sociais mostram um cenário desolador porque o bairro não possui asfalto e a via se transformou em lamaçal.

    De acordo com os moradores, a obra iniciada acerca de dois meses apresenta uma série de problemas que vão desde dúvidas quanto as dimensões das redes e galerias que supostamente após concluídas precisam de verificação. População reclama que há cerca de dois meses e  ninguém da equipe retorna para arrumar a rua, que fica danificada. Segundo relato, há muitos buracos e poças de lama que nunca secam.

Publicidade

Leia Também:

    “A rua era normal. Já chove por três dias, e você vê como está as poças de lama por todo o bairro e não seca a água. Uber não vem por causa do barro, é carro atolado, caminhões de lixo, e até veículos da zona rural,” conta um morador.  Em vídeos encaminhados para as redes sociais é possível ver as ruas cheias de poças grandes de água e muita lama, o que, segundo o interlocutor, dificulta a passagem de veículos e pedestres. 

   “O povo já não tem por onde passar pois, tem um buraco aberto que ocupa a rua inteira. O acesso ao hotel fazenda tem uma cratera de fora a fora.  Já tentei entrar em contato com a prefeitura, mas eles ficam mudando de setor e ninguém resolve nada”, desabafou.  O problema é recorrente e sempre que chove piora cada vez mais. E isto tem relação com a instalação da rede de esgotamento sanitário. Trata-se de um problema de drenagem", diz uma das moradoras.  Vale lembrar que os reclames da população local já se arrastam por mais de um ano, e o único vereador que tem visitado o bairro e procurado ajudar é Gilson Mensato, relatam os moradores que também dizem lamentar que elegeram uma presidente de associação de bairro que sequer, se interessa em agendar uma reunião para cobrar providências do prefeito. 

FONTE/CRÉDITOS: Folha Portal/Ely Damasceno
Comentários:
laboratório
laboratório

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!