website page view counter

Folha Regional Online

Domingo, 2 de Junho de 2024

Local

Homem com mandado de prisão, é detido após cometer violência contra mulher em Ibiporã

Flagrante foi registrado ontem por agentes da Delegacia de Policia Civil de Ibiporã

Ely Damasceno
Por Ely Damasceno
Homem com mandado de prisão, é detido após cometer violência contra mulher em Ibiporã
Divulgação.net
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

     Agentes da Policia Civil lotados na Delegacia de Ibiporã, prenderam na manhã de ontem um homem de 45 anos após cometer crime de violência doméstica familiar com lesão corporal.  O nome do homem não foi divulgado, mas foi lavrado o flagrante e enquadrado na Lei Maria da Penha. Durante os procedimentos do inquérito investigadores levantaram que havia em desfavor do acusado, um mandado de prisão expedido pela Comarca de Ibiporã. Diante do exposto, o cidadão foi encaminhado para a cadeia pública do município onde permanece a disposição da Justiça.  O motivo pelo qual tinha mandado de prisão decretado, também não foi revelado.

    Cresce o número de violência familiar

Estatísticas mostram que desde o início da pandemia do novo coronavírus, mulheres passaram a ficar 24 horas em casa, muitas vezes, com seus agressores. Tal fato elevou a preocupação com a violência doméstica e familiar contra a mulher. De olho nisso, o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH) reuniu tudo o que é preciso saber sobre o tema e as formas de auxiliar e denunciar nesses casos.

Publicidade

Leia Também:

Confira: 

O que é Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180?

   O Ligue 180 é um serviço de utilidade pública essencial para o enfrentamento à violência contra a mulher. Além de receber denúncias de violações contra as mulheres, a central encaminha o conteúdo dos relatos aos órgãos competentes e monitora o andamento dos processos.

   O serviço também tem a atribuição de orientar mulheres em situação de violência, direcionando-as para os serviços especializados da rede de atendimento. No Ligue 180, ainda é possível se informar sobre os direitos da mulher, a legislação vigente sobre o tema e a rede de atendimento e acolhimento de mulheres em situação de vulnerabilidade.

Além do número de telefone 180, é possível realizar denúncias de violência contra a mulher pelo aplicativo Direitos Humanos Brasil e na página da Ouvidoria Nacional de Diretos Humanos (ONDH) do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), responsável pelo serviço. No site está disponível o atendimento por chat e com acessibilidade para a Língua Brasileira de Sinais (Libras). Também é possível receber atendimento pelo Telegram. Basta acessar o aplicativo, digitar na busca “DireitosHumanosBrasil” e mandar mensagem para a equipe da Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180

FONTE/CRÉDITOS: Folha Portal/Ely Damasceno
Comentários:
Ely Damasceno

Publicado por:

Ely Damasceno

Bacharel em Teologia Theological University of Massachussets USA 1984/1990. Jornalismo pela Faculdade de Tecnologia de São Paulo. Repórter Gaz.Esportiva, Diários Associados, Estadão/SP, Jornais Dayle Post, em Boston-USA e Int.Press Hyogo-Japão

Saiba Mais
laboratório
laboratório

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!