website page view counter

Folha Regional Online

Domingo, 2 de Junho de 2024
laboratório
laboratório

Local

Federação Paranaense lamenta morte de fisiculturista atingido por carro dirigido por adolescente em Ibiporã

André Cavalcanti morreu no local após motorista fazer uma ultrapassagem. Fisiculturista André Cavalcanti, que morreu aos 34 anos

Ely Damasceno
Por Ely Damasceno
Federação Paranaense lamenta morte de fisiculturista atingido por carro dirigido por adolescente em Ibiporã
Reprodução/Redes sociais.
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

     A Federação Paranaense de Musculação, Fisiculturismo e Fitness do Paraná (IFBB) lamentou, em uma postagem nas redes sociais, a morte do fisiculturista André Cavalcanti, de 34 anos, em um acidente de trânsito em Ibiporã, norte do estado. Na noite da última sexta-feira (5), André foi atingido por um carro enquanto pilotava uma moto na BR-369. 

   Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o veículo era conduzido por um adolescente de 17 anos, que foi levado para um hospital. Ele bateu de frente contra a moto ao fazer uma ultrapassagem. Outros dois adolescentes de 15 e 17 anos estavam no carro como passageiros e também passaram por atendimento médico.  Veja a manifestação da federação: “É com grande pesar que comunicamos que o nosso atleta PRO SUPPORT @atletaandrecavalcanti faleceu essa madrugada em um acidente de moto. Se foi uma vida tão jovem, cheia de planos. Pedimos a Deus que conforte sua família com a notícia dessa tragédia. André era um grande atleta, amigo, parceiro e será sempre lembrado como a pessoa honesta e dedicada que foi. Tivemos uma grande perda aqui na terra, mas o céu ganha um presente. Confiantes na eternidade e na misericórdia de Deus, rezemos por ele um Pai Nosso”. 

Amante do esporte

Publicidade

Leia Também:

   No perfil que mantinha em uma rede social, André Cavalcanti demonstrava a paixão pelo fisiculturismo. Ele publicava fotos e vídeos de treinos e dos campeonatos que participava. Nos comentários, amigos manifestaram tristeza pela morte do fisiculturista.  A Polícia Civil abriu inquérito para apurar o acidente que matou a vítima. Segundo o delegado Vitor Dutra de Oliveira, o adolescente que dirigia o carro está internado e ainda não foi ouvido. Ele deve responder por ato infracional equiparado a homicídio de trânsito. Conforme o delegado, os outros dois adolescentes que estavam no veículo devem ser ouvidos na semana que vem.

FONTE/CRÉDITOS: g1PR/Folha Portal
Comentários:
Ely Damasceno

Publicado por:

Ely Damasceno

Bacharel em Teologia Theological University of Massachussets USA 1984/1990. Jornalismo pela Faculdade de Tecnologia de São Paulo. Repórter Gaz.Esportiva, Diários Associados, Estadão/SP, Jornais Dayle Post, em Boston-USA e Int.Press Hyogo-Japão

Saiba Mais

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!